segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Partilha 28 – Nós e Ester, o que temos em comum? Última parte

Capítulos 5-10 do livro de Ester
Os psicólogos têm chegado a uma conclusão e muitos têm partilhado isso nos seus livros, as pessoas hoje adquiriram mais conhecimento do que aquele que conseguem pôr em pratica. Quando pensamos nisto e refletimos, entendemos o quanto é verdade! Nunca existiu tantos materiais, palestras e orientadores para a educação das crianças, hoje qualquer pai tem acesso à ajuda de um psicólogo, a um bom livro, etc, mas vemos mães e pais desesperados por não saber como educar os filhos. Nunca houve tantos divórcios, no entanto, as terapias para casais, livros de aconselhamento, e outras ajudas estão ao alcance de todos. Para não falar de assuntos como saúde física e mental, leis e ambiente. Na verdade não falta conhecimento o que falta é saber colocar em prática esse conhecimento. A Bíblia revela a forma de usar do conhecimento de maneira que este produza fruto, sendo cheio de Sabedoria, não uma sabedoria qualquer, mas sabedoria de Deus. “Filho meu, se aceitares as minhas palavras, e esconderes contigo os meus mandamentos, para fazeres o teu ouvido atento à sabedoria; e inclinares o teu coração ao entendimento; Se clamares por conhecimento, e por inteligência alçares a tua voz, se como a prata a buscares e como a tesouros escondidos a procurares, então entenderás o temor do Senhor, e acharás o conhecimento de Deus. Porque o Senhor dá a sabedoria; da sua boca é que vem o conhecimento e o entendimento. Ele reserva a verdadeira sabedoria para os retos. Escudo é para os que caminham na sinceridade, para que guardem as veredas do juízo. Ele preservará o caminho dos seus santos. Então entenderás a justiça, o juízo, a equidade e todas as boas veredas. Pois quando a sabedoria entrar no teu coração, e o conhecimento for agradável à tua alma, o bom siso te guardará e a inteligência te conservará;” Provérbios 2:1-11 
“Porque melhor é a sabedoria do que os rubis; e tudo o que mais se deseja não se pode comparar com ela.” Provérbios 8:11
Ester resolveu a situação do povo, com coragem foi à presença do Rei e ele estendeu o cetro sobre ela, queria isto dizer que ela estava aceite na presença do rei. E depois de ela ultrapassar o primeiro obstáculo ,que era chegar ao Rei, ela precisava agora de uma forma sabia chegar ao coração dele para pedir-lhe pelo seu povo, já que ele nem sabia que ela era judia! Quando lemos os últimos capítulos do livro entendemos que Ester usou de uma forma sabia para falar com o Rei, ela não agiu no impulso, mas com inteligência, de uma forma bem pensada ela conseguiu fazer o rei saber quem era Hamã, o seu braço direito! Esta história tem um final feliz, graças à sabedoria que Deus deu a Ester para resolver o assunto (convido a todas a lerem este livro).
Na nossa vida o conhecimento e a inteligência têm de estar de braço dado com a sabedoria de Deus se não vão ser inúteis as noites sem dormir, as discussões, as preocupações, que tantas vezes trona-nos mulheres arrogantes, feias e sem qualquer toque de feminidade. No meu curto ministério tenho aconselhado mulheres e além disso eu própria examino-me muito, e tenho chegado à conclusão que às vezes as mulheres não agem sabiamente porque acham que fazendo assim estão a dar mais poder aos outros. Passo a explicar, quando uma mulher de antemão sabe que na hora do futebol, não é hora para ir falar com o marido sobre um assunto mais sério, mas ela o faz na mesma, mesmo sabendo que vai sair frustrada da conversa, ela não está a praticar com sabedoria o conhecimento que tem! Mas se perguntarmos, a muitas delas, o porquê de agirem assim, elas vão responder coisas do género: Ele tem de mudar! O futebol não é mais importante do que tudo! Eu também abdico de muita coisa! Na verdade elas apenas não querem é continuar a ser sempre elas a esforçarem-se para ser sabias, elas queriam que do outro lado houvesse também um esforço! E quando pensamos assim, nem nos rendemos conta que estamos a rebaixar-nos a um nível que não temos. Exercitar a Sabedoria não é fácil, é difícil, é alguma coisa que vai crescendo com o tempo e com a experiência, saber usar de Sabedoria coloca-nos numa posição protegida, estável e segura, por isso queremos permanecer nela e não perdê-la. 
Nem sempre sabemos como agir sabiamente por isso Deus nos diz, na carta de Tiago, capitulo 1, versículo 5 e 6: “E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente, e o não lança em rosto, e ser-lhe-á dada. Peça-a, porém, com fé, em nada duvidando; porque o que duvida é semelhante à onda do mar, que é levada pelo vento, e lançada de uma para outra parte.”
Não é em vão que Deus diz: “Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos.” Provérbios 14:1 “Com a sabedoria se edifica a casa, e com o entendimento ela se estabelece;” Provérbios 24:3
A sabedoria também não é um crachá que colocamos ao peito orgulhosamente, porque a cada dia precisamos dela e estamos sujeitas a nem sempre conseguir segui-la, por isso não devemos vangloriar- nos de que somos ou conseguimos, porque isso não é sabedoria é exibicionismo.
« Quem dentre vós é sábio e entendido? Mostre pelo seu bom trato as suas obras em mansidão de sabedoria.
Mas, se tendes amarga inveja, e sentimento faccioso em vosso coração, não vos glorieis, nem mintais contra a verdade. Essa não é a sabedoria que vem do alto, mas é terrena, animal e diabólica. Porque onde há inveja e espírito faccioso aí há perturbação e toda a obra perversa. Mas a sabedoria que do alto vem é, primeiramente pura, depois pacífica, moderada, tratável, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade, e sem hipocrisia. Ora, o fruto da justiça semeia-se na paz, para os que exercitam a paz. » Tiago 3:13-18
Ser Mais Mulher é buscar e pedir a Deus sabedoria para poder usar do conhecimento que tem.

Sem comentários:

Enviar um comentário