quinta-feira, 2 de março de 2017

Partilha 152 - Abrindo o caminho do nosso coração para ver Deus!



      A nossa vida com Deus é feita daquilo que nós experimentamos com Deus e daquilo que nós dizemos de Deus! Finalmente, a resposta de Deus à nossa vida não vai deixar-nos  desiludidas, nem vai ser oposta aquilo que esperamos dEle. 
     O Salmo 91, foi o primeiro Salmo que decorei, por isso ser tão especial para mim! Cada vez que o leio lembro-me de quem Deus é, e de como Ele se relaciona comigo!

O Salmista a falar consigo mesmo:
"Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará.
Direi do Senhor: Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei.


O Salmista a falar para os outros:
Porque ele te livrará do laço do passarinheiro, e da peste perniciosa. Ele te cobrirá com as suas penas, e debaixo das suas asas te confiarás; a sua verdade será o teu escudo e broquel. Não terás medo do terror de noite nem da seta que voa de dia. Nem da peste que anda na escuridão, nem da mortandade que assola ao meio-dia. Mil cairão ao teu lado, e dez mil à tua direita, mas não chegará a ti. Somente com os teus olhos contemplarás, e verás a recompensa dos ímpios. 

O Salmista a falar consigo mesmo:
Porque tu, ó Senhor, és o meu refúgio. No Altíssimo fizeste a tua habitação. 

O Salmista a falar para os outros:
Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda. Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos. Eles te sustentarão nas suas mãos, para que não tropeces com o teu pé em pedra. Pisarás o leão e a cobra; calcarás aos pés o filho do leão e a serpente. 

Deus a falar com o salmista:
Porquanto tão encarecidamente me amou, também eu o livrarei; pô-lo-ei em retiro alto, porque conheceu o meu nome. Ele me invocará, e eu lhe responderei; estarei com ele na angústia; dela o retirarei, e o glorificarei. Fartá-lo-ei com longura de dias, e lhe mostrarei a minha salvação." Salmos 91:1-16

     O relacionamento que temos com Deus, vai sempre depender do desejo que temos de conhecê-lo, e da perspectiva que vamos tendo que quem Deus é! Deus relaciona-se connosco, na mesma medida que desejamos relacionar-se com Ele, e Ele vai ocupando o espaço que lhe vamos cedendo!
    Ser Mais Mulher é conhecer cada vez mais a Deus e saber que Deus vai agindo segundo o desejo que ela tem em ver Deus agir. EP

quarta-feira, 1 de março de 2017

Partilha 151 - Precisamos melhorar a nossa visão!




       Há uns dias atrás, enquanto conduzia ocorreu um incidente! A água do limpa-vidros acabou. O tempo estava nevoso e por isso o vidro ficava sujo rapidamente... Era uma auto estrada, e eu tinha que conduzir até as bombas de gasolina mais próximas para poder colocar água. Mas enquanto isso, utilizei uma estratégia, ficar sempre perto de camiões, assim a água que saía das rodas deles salpicavam o meu vidro e eu podia ir limpando para ter melhor visão da estrada.
     Durante este episódio, lembrei-me de como as outras pessoas contribuem para a nossa vida e de como estar com pessoas diferentes, melhora a nossa visão da realidade física e espiritual.
     Cada pessoa que participa na nossa vida contribuí para algo em nós, e na diversidade de pessoas que vamos conhecendo, com culturas, formas de pensar e experiências diferentes, vamos ficando mais ricas e com uma visão mais alargada do mundo onde vivemos.
      Por outro lado, se fechamos a nossa mente para outras maneiras de pensar, para outras maneiras de interagir, corremos o risco de atrofiarmos a nossa visão e vermos o mundo única e exclusivamente à nossa maneira! O que nos transformará em mulheres sozinhas, imaturas e até egoístas.
      A certa altura a vida do profeta Eliseu, o rei da Síria quis prendê-lo, para que Israel ficasse mais fraco, já que o profeta Eliseu era sempre orientado por Deus, para alertar o rei de Israel sobre as armadilhas dos seus inimigos. Nesse dia, um grande exército do rei da Síria foram cercar pela noite, a cidade onde estava Eliseu e o seu ajudante. Quando o ajudante vê aquele exercito enorme fica aterrorizado e sem saber como Eliseu iria salvar-se daquela situação. Então Eliseu responde:
"Não temas; porque mais são os que estão conosco do que os que estão com eles.
E orou Eliseu, e disse: Senhor, peço-te que lhe abras os olhos, para que veja. E o Senhor abriu os olhos do moço, e viu; e eis que o monte estava cheio de cavalos e carros de fogo, em redor de Eliseu." II Reis 6:16,17
       O que Eliseu estava a ver era Deus com um grande exercito a vir em seu socorro, mas aquele ajudante apenas via o exercito Sírio...até que Eliseu orou para que ele visse a mesma coisa que Eliseu.
Assim, a mudança de perspetiva e de visão, fez com que aquele ajudante se acalma-se e confiasse no livramento de Deus.  Neste caso, a perspetiva daquele ajudante mudou porque a sua visão se abriu, não somente para o que era evidente, mas para o que apenas espiritualmente se discernia.
   Quantas vezes, apenas conseguimos ver o evidente, e Deus envia pessoas à nossa vida para alargar, limpar e descortinar aquilo que não conseguimos ver? Porque as pessoas (todas elas) são presentes de Deus, que melhoram-nos e contribuem para que tenhamos a visão mais nítida da vida e do mundo em que vivemos.
     Precisamos de humildade e de exata noção de quem somos, para podermos valorizar as pessoas que nos rodeiam, porque com todo a certeza, são elas que muitas vezes vão fazer-nos ver o quão grande é Deus e as grandes coisas que Ele faz.
    Ser Mais Mulher é agradecer por cada pessoa que a rodeia e deixar-se ser ajudada por elas, para ver mais além. EP

terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Partilha 150 - Unicamente com a Tua Presença.

 

     Recentemente celebrei 35 anos, e como todos os dias de aniversario, realizamos que o tempo está a passar. Pensamos no que já fizemos, o que fazemos e que queríamos fazer no futuro! 
Nesta partilha, quero abrir o meu coração e dizer o que sinto nestes 35 anos.
Fui impulsionada a ler o texto Biblico de Êxodo 33:15: 
"Então lhe disse: Se tu mesmo não fores conosco, não nos faças subir daqui."
    Moisés foi enviado por Deus ao Egipto, para tirar o seu povo da escravidão, depois de grandes milagres e  muitas provas de amor, Deus retirou o povo daquela situação e orientou-os a seguirem até à terra que Deus lhe prometera, Canaã. A certa altura Moisés, sobe ao Monte Sinai, para poder falar com Deus e ser direcionado na maneira com guiaria aquele povo. O tempo que Moisés permaneceu no Monte prolongou-se, e o povo começou a desesperar! 
    O tempo de espera, levou-os a rejeitar Deus, construir um Bezerro de ouro (um dos deuses egípcios) e a declarar que aquele tinha sido o deus que os ajudara até ali! Quando Moisés desceu do Monte, e viu aquela situação ficou enfurecido com o povo...
    E é neste momento, que Moisés vai conversar com Deus, pedindo-lhe para que perdoasse o povo, e pediu-lhe que orientasse o povo. 
   Deus ouve Moisés e diz-lhe: 
"E enviarei um anjo adiante de ti, e lançarei fora os cananeus, e os amorreus, e os heteus, e os perizeus, e os heveus, e os jebuseus..."Êxodo 33:2
    Deus estava a dar ao povo a liberdade de escolher, pois eles não queriam Deus, eles eram rebeldes, não estavam preparados para obedecer, e Deus não iria impor a sua presença, mas cumpriria a Sua promessa de leva-los à terra prometida, enviando um anjo com eles. 
   "Moisés, percebe esta situação e fala com Deus,desta maneira:
Eis que tu me dizes: Faze subir a este povo, porém não me fazes saber a quem hás de enviar comigo; e tu disseste: Conheço-te por teu nome, também achaste graça aos meus olhos. Agora, pois, se tenho achado graça aos teus olhos, rogo-te que me faças saber o teu caminho, e conhecer-te-ei, para que ache graça aos teus olhos; e considera que esta nação é o teu povo. Disse pois: Irá a minha presença contigo para te fazer descansar.Então lhe disse: Se tu mesmo não fores conosco, não nos faças subir daqui." ÊXODO 33:12-15
     Para Moisés, o mais importante não era chegar à terra prometida, não era passar aquele deserto como um vitorioso ou até mesmo ser o líder de um grande feito histórico. Moisés não queria nada disso, se Deus não estivesse com ele. Se Deus não fosse com ele, então ele preferia ficar ali, não avançar em mais nada! Moisés não aceitava a presença de um anjo, ele apenas queria avançar se fosse o próprio Deus com ele!
    O que eu quero partilhar convosco, é o sentimento que houve em Moisés, de rejeitar conquistar fosse o que fosse, se a presença de Deus não estivesse com Ele. Quantas vezes, apenas pensamos naquilo que  queremos conquistar, naquilo que queremos ver, ou até ser, sem pensar no processo, apenas no resultado. Como se fosse irrelevante a maneira como alcançamos os nossos objetivos, o mais importante é chegarmos lá! Ou, às vezes, achamos que o reconhecimento dos outros, ou apenas alguma "presença" especial já é o bastante, como se o mais importante é que haja "brilho" em nós, que os "holofotes" da vida estejam direcionados a nós... queremos brilhar...
    Mas, que haja em nós o mesmo sentimento que ouve em Moisés, de que nada é mais importante do que a presença de Deus na nossa vida, porque Ela revela a aprovação de Deus! Portanto nada, mesmo nada, que queiramos fazer, ser ou ter, sem a presença de Deus tem valor, porque quando Deus aprova a nossa vida dá-nos a maior satisfação que precisamos. O que desejamos é que Deus brilhe cada vez mais na nossa vida!
    A presença de Deus na nossa vida, é real, por meio de um convite...Deus não impõe a Sua presença...mas quando decidimos dar-lhe a direção da nossa caminhada, Ele aceita e supera todas as expectativas...
    Ser Mais Mulher é não avançar sem a presença de Deus! EP









sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Partilha 147 - Os maiores tesouros estão na nossa casa!


         Durante a nossa vida vamos perdendo coisas, pessoas, convicções, ideias, etc. Algumas coisas que perdemos não fazem falta, outras deixam um vazio para sempre!
        Certo dia, enquanto Jesus falava acerca do valor que Deus dá a cada pessoa individualmente, e na alegria que há no céu, quando uma pessoa se arrepende e busca a Deus de coração, Ele contou uma história. Jesus comparou o seu amor pelas pessoas, com uma mulher que perde uma dracma (moeda de muito valor).
       
"Ou qual a mulher que, tendo dez dracmas, se perder uma dracma, não acende a candeia, e varre a casa, e busca com diligência até a achar? E achando-a, convoca as amigas e vizinhas, dizendo: Alegrai-vos comigo, porque já achei a dracma perdida. Assim vos digo que há alegria diante dos anjos de Deus por um pecador que se arrepende." Lucas 15:8-10

        A escolha de Jesus em usar esta historia, para comparar à maneira como Deus sempre deseja e faz tudo por uma pessoa, é interessante. Esta mulher tinha 10 moedas e perdeu uma apenas. Quando uma mulher se casava era-lhe dado um colar de dez dracmas como lembrança, não sabemos se era uma dracma desse colar, mas provavelmente sim, uma vez que as historias de Jesus sempre usavam imagens bem conhecidas dos seus ouvintes. Esta mulher perdeu uma dracma, dentro da sua própria casa, e fez tudo até encontrá-la, varreu a casa, procurou por todo o lado até que a encontrou. Depois chamou todas as pessoas conhecidas fez uma festa para comemorar. 
       A primeira coisa que podemos perceber é que a dracma era apenas uma e ela ainda ficava com nove, mas apesar disso, aquela mulher não se conformou até ter de novo as dez. Às vezes vamos perdendo coisas na vida e conformam-nos com isso, e acabamos por nem procurar reaver essas coisas. Refiro-me a pessoas, a objetos, mas principalmente, a capacidades emocionais! Muitas pessoas dizem que conforme vão amadurecendo vão ficando mais prevenidas e distantes para não se magoarem! e até um certo ponto, é bom essa aprendizagem, mas por outro lado, muitas vezes estamos a perder capacidades que Deus nos deu para sermos melhores! Falo de paciência, de amor, de afeto, de empatia, de cuidado...
        Esta mulher perdeu a dracma dentro da sua própria casa. Assim nós podemos estar a perder as coisas de maior valor dentro da nossa própria casa!  O que temos de melhor e de mais valioso está dentro da nossa casa, e é necessário que saibamos dar o melhor de nós aos de dentro em primeiro lugar. Quantas vezes temos tempo, paciência, cuidado, com as pessoas de fora e depois para os de dentro do nosso lar não conseguimos dar dessas coisas convenientemente! Chegamos ao coração da vizinha, da amiga, etc...mas não conseguimos nem abraçar o suficiente a pessoa que dorme conosco todos os dias... Perdemos coisas, perdemos sensibilidade, perdemos a capacidade de dar atenção...e tantas outras coisas que Deus nos deu para que colocássemos em pratica em primeiro lugar com os da nossa casa! 
      Quando ela dez tudo para encontrar aquela dracma. Não devemos conformar-nos, nem dar desculpas que faz parte,  em perder atitudes boas dentro da nossa casa. Às vezes ouçam pessoas a dizer: "Mas eu já não tenho idade para isso" ou "isso era antes, quando eu tinha tempo" ou ainda " Fartei-me de dar sem receber, por isso agora sou mais fria". Tudo isto pode ser verdade, mas será que que não estamos a deixar que coisas valiosas se percam dentro da nossa casa? Está na hora de fazer como aquela mulher, fazer uma limpeza geral, não descansar até recuperarmos o que perdemos. O beijinho de boa noite, os elogios dados só porque amamos, prepara o banho sem que seja pedido, colocar uma mesa bonita em vez de atirar uns pratos e uns talheres de qualquer maneira, sentar e ter tempo para ouvir o acontecimento do dia,...e por aí fora. tanta coisa que devemos querer recuperar ainda que precise de esforço da nossa parte. 
     Aquela mulher deu uma festa com os da casa e com os de fora para comemorar. Quando dentro da nossa casa há coisas boas, seremos capazes de dar aos de fora também coisas boas. A festa com os de fora, deve ser se tudo dentro de casa estiver preenchido. Porque não há nada mais triste que é querermos festejar, sorrir, abrir champanhe com os de fora e com os de dentro, apenas temos intrigas, revolta e tristeza!

      Ser Mais Mulher é não querer perder o melhor de si para os de dentro, porque ela sabe que dentro da sua casa é que está o seu melhor tesouro. EP

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Partilha 146 - Exercita-te, a ti mesma, na piedade!


        Quando eu tive a minha primeira filha, Ruth, que hoje tem 12 anos, eu engordei 24/25 Kg, fiquei realmente muito diferente do que eu era...por causa disso e de todas as consequências que esse aumento de peso provocaram no meu psicológico, eu decidi ir para o ginásio. A vontade de perder peso e de poder vestir as minhas roupas antigas, deu-me uma força de vontade e aplicação que me levou a seguir à risca todos os conselhos de nutrição saudável, e de exercício fisico. Até que conseguisse chegar ao meu objectivo, não parei e quanto mais via resultados mais motivação eu tinha! Hoje, passados três filhos e doze anos, estou inscrita num ginásio, mas como a motivação é muuuuuiiiiito menor, os resultados aparecem leeeeennnntaaaaameeente! 
         Estou a contar isto, porque gostaria de partilhar hoje acerca de um conselho que o Apostolo Paulo deu ao jovem Pastor Timóteo:
         
“Exercita-te a ti mesmo na piedade”. 
E ele continua: “Pois o exercício físico para pouco é proveitoso, 
mas a piedade para tudo é proveitosa”. I Timoteo 4:7,8

         Paulo está a incentivar Timóteo a desenvolver, crescer e praticar a piedade. A expressão que é usada "exercita-te" está relacionada com a pratica, com esforço, com a decisão de praticar até que alcance os seus objetivos, neste caso o objetivo é que seja um homem piedoso! Paulo lembra que a piedade é um estilo de vida, que é proveitoso não somente para esta vida terrena, como o exercício fisico, mas que vai mais além na sua importância...a piedade é proveitosa até para a vida eterna. 
        Timoteo, como pastor, poderia pensar que lhe era necessário saber para ensinar aos outros, mas Paulo lembra-o que ele mesmo precisava exercitar-se, praticar e estar a tento a que a sua própria vida fosse piedosa. Não somente falar aos outros, mas viver ele mesmo!
        Para nós, esta palavra deve motivar-nos a cada dia disciplinarmos-nos, exercitarmos-nos a nós mesmas à piedade. Assim como que pratica um desporto e quer alcançar resultados, e por isso tem que se esforçar, praticar, exercitar e prosseguir para que experimente os resultados. Mas afinal o que é piedade?
       Quando fala-se em piedade, as pessoas têm uma ideia de comiseração, compaixão, pena. Mas essa não é a piedade cristã. O grande reformador João Calvino deu bastante ênfase sobre a piedade em seus escritos. Ele definiu da seguinte forma: “A verdadeira piedade consiste em um sentimento sincero que ama a Deus como Pai, ao mesmo tempo em que o teme e o reverencia como Senhor, aceita a sua justiça e teme ofendê-lo mais do que teme a morte”.1 Ser piedosa é ansiar por conhecer mais a Deus (teologia) e ter mais comunhão com Ele; ter como mais profundo interesse  Deus mesmo, e as coisas de Deus. Viver uma vida em submissão e temente ao Soberano Criador, Amigo e Conselheiro. 
       Seguindo o conselho de Paulo, devemos dedicar-nos com toda a motivação, em cada dia e oportunidade à vida de intimidade com Deus. Os resultados (transformação da mente, coração cheio de coisas boas, amor a Deus, fruto do Espirito Santo) aparecerão e a motivação vai aumentando e assim cada vez mais exercitadas na piedade, não saberemos viver de outra maneira...
      Ser Mais mulher é exercitar-se a si mesma na piedade, sabendo que é onde ela deve gastar o máximo das suas energias, pois é essa a prioridade do seu viver! EP

1.Vivendo para a glória de Deus, Joel Beeke. Ed. Fiel. Página 192.

quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Partilha 145 - Escolhas!




       A vida é feita de escolhas e de oportunidades para tomar decisões! Uma das coisas que aprendemos primeiro na vida é que as nossa escolhas tem consequências! Sabemos tão bem disto que repetimos para os nosso filhos vezes sem conta! "-Esta é a consequência do teu ato!"
        Os editores dos Salmos, ao terminarem de compilar todos os diferentes componentes do Salmos, escolheram para numero 1 o seguinte Salmo:
Bem-aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios, 
não se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.
Antes, o seu prazer está na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite.
 Ele é como árvore plantada junto a corrente de águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto, 
e cuja folhagem não murcha; e tudo quanto ele faz será bem sucedido.
 Os ímpios não são assim; são, porém, como a palha que o vento dispersa.
 Por isso, os perversos não prevalecerão no juízo, nem os pecadores, na congregação dos justos.
 Pois o SENHOR conhece o caminho dos justos, mas o caminho dos ímpios perecerá.
Salmos 1

             Não foi por acaso qu este Salmo foi escolhido para dar inicio a todos os outros! Neste Salmo fica claro de que existem duas escolhas: Seguir os conselhos de Deus e Não seguir os conselhos de Deus! Para cada uma destas decisões há consequências.
             Vejam comigo: 
Bem-aventurado (ou Feliz)
- Aquela que nao quer andar pelos mesmos caminhos que os que não querem Deus na sua vida
                 - Aquela que não segue os conselhos dos maldosos
                 - Aquela que nao fica nas conversas dos que falam mal e de que criam intrigas
                 - Aquela que encontra a sua alegria na Palavra de Deus e que em tudo o que faz pensa nessa Palavra.
                 - Aquela que permite que Deus esteja na sua vida.                        
                                                                                  ⇓⇓

     - Será como uma árvore plantada junto às correntes de água, 
          que dá o fruto a seu tempo e que as folhas estão verdinhas.
                                               - Tudo o que ela faz é bem sucedido.

          A Bíblia compara o Homem várias vezes a árvores, mas hoje quero lembrar esta árvore que simboliza nós, as Mais Mulheres, que fizemos escolhas importantes para a nossa vida, de querer estar com as pessoas certas, de ter a mente ocupada com as coisas certas e de falar nas coisas certas! 
           As únicas coisas certas, que nos levam a sermos Mulheres como esta árvore, que dá fruto no tempo certo, que cresce, que permanece de pé, que quanto mais o tempo passa mais forte ela fica e a sua cor...oh a cor das suas folhas...a sua aparência é praseirosa...a única coisa que faz esta árvore assim, é a corrente de águas que corre perto dela e lhe dá alimento sempre, em todo o tempo! As suas raízes cada vez que tem sede vai buscar dessa água, e saciam a sua sede constantemente!!! 
           A água que mantém Mais Mulheres é Deus, são os seus amorosos conselhos, os seus perfeitos mandamentos.

"E no último dia, o grande dia da festa, Jesus pôs-se em pé, e clamou, dizendo:
 Se alguém tem sede, venha a mim, e beba.
Quem crê em mim, como diz a Escritura, rios de água viva correrão do seu ventre. "Joao 7:37,38

Mais Mulher, escolhe Jesus e serás esta árvore!